Proteção anti plágio

26 de fev de 2011

Contra o Tempo



Oiii pessoas que se prestaram pra ler este Blog de inutilidades poesias.
Meu nome é Victor, 12/07/1995, sou canceriano com ascendente em sagitário e lua em áries( isso pela astrologia antiga ), usarei este espaço principalmente para postar minhas poesias, mas também postarei outras coisas, e coisas que eu achar interessante.
Pra iniciar bem essa merda aqui, colocarei minha mais recente poesia.
                                               

                               Contra o tempo
-
Olho suas fotos e lembro
De que talvez não dê tempo
De passar um mágico momento
Como dói,o aperto no meu peito
-
Só um pouco mais de paciência
Poderia resolver
Essa interna divergência
Que, agora, nos faz sofrer
-
Carência, angústia, ansiedade
Juntas em uma só
Talvez isso seja da idade
Sorte que, adolescência, é uma só
-
Sentimento confuso
Não distingo a intensidade
Mas sei que é profundo
Mal sei o que fazer
Meu pensamento não sai da realidade
Em breve posso te perder
Quase ninguém entende, o tamanho da gravidade
-
Idéias vêm e vão
Mas nada se ajeitará
Se meu coração
Eu não acalmar
-
Estou aqui a mandar depoimentos apaixonados
Embora isso não faça nada mudar
É minha última tentativa de te convencer
A não me deixar de lado
-
Te amo, é a única coisa
Que consigo pensar
Não vá dessa forma,
é o que me faz chorar
-
Eu sei, nada vai se modificar
Mas tenho que desengasgar
Te perder assim é difícil de aceitar
E nada vai fazer isso mudar
-
Estou ficando sem palavras
Está difícil de expressar
O quanto quero te abraçar
Te sentir, te ver, enfim, te amar…

-

-
tá, essa coisa ficou enorme, mas mesmo assim, se lestes até aqui, não custa deixcar um comentário, uma dica, crítica, opinião, qualquer coisa

Nenhum comentário:

Postar um comentário