Proteção anti plágio

25 de ago de 2011

Exageradamente Sentimental

Dedico esta poesia à uma pessoa que foi a primeira a ler esta. Gabs, esta é pra ti.


Exageradamente sentimental



Você vem sempre aqui no mesmo horário
Me faz ficar com uma cara de otário
O bom senso se esconde no armário
Sentimentos que vem como um raio


Nunca consigo me escapar
Você sempre faz eu me declarar
E sempre que tento te negar
Você consegue me manipular


E eu fico aqui parado declarando
Amores por pessoas mil
E depois eu fco só pensando
Eu sou o idiota que não resistiu


Você vem sempre no mesmo momento
Me impulsiona a um sentimento anormal
Posso não vencer mas eu tento
Exageradamente sentimental


contato: cancerianopoeta@gmail.com ou victoriturriet@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário